Bill Tates


Bill Tates, um gênio
precoce da computação

A pergunta mais freqüente que fazem a Bill Tates é se é parente do bilionário da Microsoft. Seu sobrenome é parecido, ele é especialista em computadores, em software e hardware, e morou muitos anos em Seattle, sede da empresa americana.

“Quem dera!”, é a resposta de Bill. “Já me disseram que talvez eu tenha algum parentesco com o Gates, mas nunca me interessei em pesquisar. Para quê?”, Tates pergunta.”Muita gente já tentou beliscar algum lucro na fortuna dele, sem resultado. O homem é esperto”.

Nascido no interior de São Paulo há 33 anos, filho de um executivo americano do ramo farmacêutico, William Stanford Ebenezer Tates, ganhou seu primeiro computador aos 17 anos. “Era uma engenhoca, um mostrengo pirata, que meu pai comprou em Taiwan. Eu aprendi todos os mistérios da máquina, que não eram muitos, em apenas quatro dias, para espanto geral”, ele lembra.

O primeiro problema surgiu quando, ainda adolescente, conseguiu romper os códigos de segurança do então recente e inviolável site da revista Total Sex e passava semanas , como diz, “babando no teclado do computador com a visão de mulheres sensacionais em cenas de sexo mais do que explícito”.

Até que a mãe o surpreendeu uma vez e contou para o pai, que confiscou o computador e o matriculou num curso de computação avançada. O curso era de seis meses, mas Bill o concluiu em duas semanas, confirmando seu extraordinário talento para o ramo de computadores e afins.

O editor chefe do SacolãoBrasil, Castor Jr., assistiu certa vez a um campeonato internacional de videogames, em que Tates foi o vencedor, e o contratou para escrever a coluna “Sites e Insites”, que está hoje entre as mais acessadas da internet.

Edição 004
Da franga aos políticos
Edição 006
Mulheres de verdade e de mentira
Edição 008
Legumes, eleições e camisinhas
Edição 014
O sexo, sempre o velho e bom sexo
Edição 020
Viajando pela Web de dois países
Edição 027
Uma saborosa provocação com as mulheres
Edição 033
A internet é de todos, mesmo com polêmica
Edição 043
Tudo começou com Adão, Eva e Kalimenes
Edição 053
Atormente a vida do deputado
Edição 062
Enfrente os políticos na Internet
Edição 068
Navegando pela cultura quase inútil
Edição 074
Como não pensei em ficar milionário!
Edição 079
Incompetência on line
Edição 085
Como fugir de momo
Edição 100
“Congressistas” de ontem e de hoje
Edição 105
Não aprendi a ficar rico